Pedro e os Lobos, Roberto Laque

por Memória Sindical. 30 jan 2013 . 11:08

pedro-1Os Anos de Chumbo narrados a partir da ótica da guerrilha

Sete anos de pesquisa, a história recente do Brasil ainda pra ser contada em sua plenitude, e a vida louca de um personagem ímpar , o ex-sargento Pedro Lobo de Oliveira. Estes são os ingredientes que geraram o livro Pedro e os Lobos – Os Anos de Chumbo na trajetória de um guerrilheiro urbano, escrito pelo jornalista João Roberto Laque.

“Meu livro é uma biografia, mas serve também como livro de História, da história recente do nosso país que ainda fervilha a cada nova revelação de seus agentes e que tem na presidente eleita um de seus atores” diz o autor. “A percepção de que faltava um livro com linguagem acessível sobre a resistência à ditadura militar implantada no Brasil pela força das baionetas em março de 1964 me levou a esse texto”, completa ele. pedro-2

No livro estão, a renúncia de Jânio, a posse de Jango, o golpe de 1964 e a resistência armada, com destaque para a origem das organizações clandestinas e um completo relato de seus atentados a bomba, assaltos a banco e sequestros de diplomatas estrangeiros. Nas 640 paginas de Pedro e os Lobos são detalhados ainda os bastidores do poder, a edição do AI-5, a tortura imposta pela repressão política, os movimentos pela anistia, as greves do ABC e a redemocratização do Brasil. De quebra, vem a trajetória de vida de Pedro Lobo de Oliveira, um ex-sargento obstinado que largou tudo para mergulhar de cabeça no caldeirão fumegante da guerrilha.

pedro-3Companheiro do lendário capitão Carlos Lamarca, Pedro assalta bancos, invade hospitais militares, explode quartéis e fuzila, para comemorar o aniversário da morte de Che Guevara, um capitão norte-americano que havia se tornado herói de guerra no Vietnã. Capturado no início de 69, o ex-sargento será barbaramente torturado e terá de cumprir ano e meio de cadeia até ser banido do país durante o sequestro dum embaixador alemão. Depois de passar por Argélia, Cuba, Chile e Argentina, ele viverá, por oito anos, na Alemanha Oriental, atrás do que o Ocidente costumava chamar de A Cortina de Ferro. Com a anistia, Pedro Lobo volta ao Brasil onde é reintegrado aos quadros da Polícia Militar como se sua vida encerrasse um caprichoso ciclo. Hoje, um pacato capitão PM aposentado, o ex-guerrilheiro vive em São José dos Campos, interior do Estado de São Paulo.

Pedro e os Lobos foi considerado um dos cinco melhores livros na categoria livro-reportagem pelo júri do Prêmio Jabuti 2011 e está gerando um documentário que deverá chegar aos cinemas ainda este ano.

Para conhecer melhor a obra ou comprar o livro com desconto acesse www.guerrilhanobrasil.blogspot.com.br

Pedro e os Lobos – Os anos de chumbo na trajetória de um guerrilheiro urbano.

João Roberto Laque

Ava Editorial, SP, 2010

Comentários



ÚLTIMAS DE

Dicas de Leitura

Depoimento de Newton Candido

Histórias de Vida

Newton Candido foi diretor do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil de São Caetano e assessor do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo. Realizado em 15/04/1989 por...

VER MATÉRIA

Transcrição da entrevista com Joaquim dos Santos Andrade no Roda Viva

Histórias de Vida

Entrevista com Joaquim dos Santos Andrade no Programa Roda Viva, TV Cultura, 06/07/1987

VER MATÉRIA

Sindicato dos Professores de São Paulo promove debate e exposição sobre a Revolução Russa

Cultura

Acontecimento de importância decisiva no mundo contemporâneo, a Revolução Russa construiu e destruiu utopias e mudou as referências políticas e ideológicas da nossa era. Sua...

VER MATÉRIA

Depoimento de Melquíades Araújo

Artigos e Entrevistas

  Melquíades Araújo é Presidente da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação no Estado de São Paulo – Fetiasp, e 1º vice-presidente da Força...

VER MATÉRIA

Entrevista com Luiz Antônio de Medeiros

Artigos e Entrevistas

Luiz Antônio de Medeiros é metalúrgico, fundador e presidente da Força Sindical de 1991 até 1999. Foi presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo....

VER MATÉRIA

Música e Trabalho

PLAYLIST SPOTIFY MEMÓRIA SINDICAL