Manifesto em apoio a construção do Memorial da Liberdade e Democracia Presidente João Goulart

por Memória Sindical. 07 abr 2015 . 14:38


manifesto-1O presente manifesto tem como objetivo colher a tua assinatura e teu indispensável apoio à construção do Memorial da Liberdade e Democracia Presidente João Goulart em Brasília, capital de todos nós brasileiros.

A sua participação é de suma importância, uma vez que essa significativa obra está sendo obstaculizada pelos mesmos setores de direita que não permitem o avanço do povo brasileiro e estão se organizando para solicitar e pressionar o poder público de Brasília para impedir a construção do Memorial da Liberdade e Democracia Presidente João Goulart, não permitindo que na Capital da Nação haja um espaço para defender , cultuar e enaltecer os valores soberanos de nossa cidadania.

51 anos depois querem cassar Jango novamente, inclusive incitando a violência para uma manifestação de derrubada dos tapumes que cercam a área, politizando, tergiversando valores e incitando á violência em uma manifestação fascista que só emana da intolerância.

Esta obra do arquiteto Oscar Niemeyer , nasceu da necessidade de informar ao público e as novas gerações os 21 anos do período obscuro da ditadura e a luta pela retomada da liberdade e redemocratização do país pela qual tantos brasileiros tombaram no caminho da legalidade.

“Quem conhece a história de João Goulart, sabe como ele foi violentamente afastado do cargo com o golpe militar de 1964, que durante vinte anos pesou sobre o nosso país. E isso eu procurei marcar na minha arquitetura, da forma mais clara, com uma grande flecha vermelha a atingir a cúpula projetada. Dentro do amplo salão de exposições serão explicadas ao público as razões desse deplorável acontecimento, as pressões do governo norte-americano que o reacionarismo de direita naquela época procurava atender.” (Oscar Niemeyer)

O Espaço da Liberdade e Democracia, mais do que um local que relate a recente história do nosso país, se propõe a ser um lugar de reflexão da vida democrática, através de eventos temáticos, desenvolvidos em seminários, debates, oficinas, palestras, mostras de filmes, exposições artísticas, entre outras atividades culturais e estará aberto gratuitamente ao público nos 365 dias do ano, essencialmente cultivando os valores que foram atingidos pelo golpe de 1964, como a liberdade, como a democracia, como o respeito aos direitos humanos e como a opção social pelos menos favorecidos.

Será um espaço de reflexão dos movimentos sociais, das associações civis, do terceiro setor, dos sindicatos e de todas as agremiações que lutam pela preservação e avanço social das lutas democráticas e libertárias.

Pela defesa plena de nossa soberania e, principalmente , pela construção de um espírito de cidadania.

É por isso que contamos com teu apoio, com o apoio de um “SIM” á construção de este espaço de “liberdade e democracia” que cultuará na Capital de todos os brasileiros que pregam para sempre, viver livres e em Estado Democrático de Direito.

Ditadura nunca mais! Para que não se esqueça. Para que nunca mais aconteça!

_____________________________________

João Vicente Goulart, Presidente do Instituto João Goulart

ABRA AQUI O ABAIXO ASSINADO

Comentários



ÚLTIMAS DE

Noticias

Depoimento de Melquíades Araújo

Artigos e Entrevistas

  Melquíades Araújo é Presidente da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação no Estado de São Paulo – Fetiasp, e 1º vice-presidente da Força...

VER MATÉRIA

Entrevista com Luiz Antônio de Medeiros

Artigos e Entrevistas

Luiz Antônio de Medeiros é metalúrgico, fundador e presidente da Força Sindical de 1991 até 1999. Foi presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo....

VER MATÉRIA

Entrevista com Nilton Souza da Silva (Neco)

Artigos e Entrevistas

Nilton Souza da Silva (Neco) Comerciário, presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Porto Alegre, (Sindec), secretário de Relações Internacionais da Força Sindical e...

VER MATÉRIA

A verdade sobre Manoel Fiel Filho

Artigos e Entrevistas

Manoel Fiel Filho No dia 24 de junho de 2015, o Ministério Público Federal (MPF) em São Paulo denunciou à Justiça Federal sete ex-agentes da...

VER MATÉRIA

Música e Trabalho

PLAYLIST SPOTIFY MEMÓRIA SINDICAL