Confidência do ItabiranoCarlos Drummond de Andrade, 1940

por Memória Sindical. 31 out 2013 . 12:25

confidencia-1

Alguns anos vivi em Itabira.
Principalmente nasci em Itabira.
Por isso sou triste, orgulhoso: de ferro.
Noventa por cento de ferro nas calçadas.
Oitenta por cento de ferro nas almas.
E esse alheamento do que na vida é porosidade e comunicação.

A vontade de amar, que me paralisa o trabalho,
vem de Itabira, de suas noites brancas, sem mulheres e sem horizontes.

E o hábito de sofrer, que tanto me diverte,
é doce herança itabirana.

De Itabira trouxe prendas diversas que ora te ofereço:
esta pedra de ferro, futuro aço do Brasil,
este São Benedito do velho santeiro Alfredo Duval;
este couro de anta, estendido no sofá da sala de visitas;
este orgulho, esta cabeça baixa…

Tive ouro, tive gado, tive fazendas.
Hoje sou funcionário público.
Itabira é apenas uma fotografia na parede.
Mas como dói!

________________________

Publicado no livro Sentimento do mundo, o terceiro livro de poemas de Carlos Drummond de Andrade,1940.

Comentários



ÚLTIMAS DE

Dicas de Leitura

Sindicato dos Professores de São Paulo promove debate e exposição sobre a Revolução Russa

Cultura

Acontecimento de importância decisiva no mundo contemporâneo, a Revolução Russa construiu e destruiu utopias e mudou as referências políticas e ideológicas da nossa era. Sua...

VER MATÉRIA

Vote pra valer! Não desperdice o seu direito conquistado

Apostilas de Formação

A descrença com a política é compreensível frente à flagrantes de corrupção, de mau uso do patrimônio público e da precária oferta de serviços e...

VER MATÉRIA

Visão geral do acervo

Arquivo

Centro de Memória Sindical – Arranjo do Acervo

VER MATÉRIA

Depoimento de Newton Candido

Histórias de Vida

Newton Candido foi diretor do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil de São Caetano e assessor do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo. Realizado em 15/04/1989 por...

VER MATÉRIA

Transcrição da entrevista com Joaquim dos Santos Andrade no Roda Viva

Histórias de Vida

VER MATÉRIA

Música e Trabalho

PLAYLIST SPOTIFY MEMÓRIA SINDICAL